Buscar
  • Guilherme William Brassanini

Rinoplastia: o que é e como funciona? Do PRÉ ao PÓS operatório.

Primeiramente, vou chamar a Rinoplastia de "Rino" apenas tudo bem?


Você sabia que o Brasil é o país que mais faz cirurgias plásticas em todo mundo e que a Rino é uma das que lideram esse ranking?

Atualmente, a Rino é a segunda cirurgia plástica mais realizada em todo o mundo!

"...as pessoas buscam a Rinoplastia não só para melhorar o visual e a autoestima, mas também para restaurar a função nasal."


A Rino deve ser para fins estéticos porém com foco também na questão funcional. Afinal, de que adianta um belo narizinho que não funciona?


É por isso que costumamos falar tanto seu nome quanto o seu sobrenome:

"Rinoplastia estética e funcional".


OBJETIVOS DO PROCEDIMENTO:

Além de proporcionar um aspecto natural ao nariz - deixando-o em harmonia com os demais traços faciais do paciente - melhorar ou manter a função nasal.


BENEFÍCIOS AO PACIENTE:

  • Harmonizar o nariz com os demais traços faciais, deixando o rosto mais atraente;

  • Aumentar a autoconfiança e o bem-estar;

  • Melhorar a respiração, a qualidade de vida e o desempenho em práticas esportivas;

  • É considerada uma cirurgia segura e indolor, além de exigir pouco tempo de permanência hospitalar.


AVALIAÇÃO PRÉ OPERATÓRIA:

  • PERFIL INDIVIDUALIZADO: alinhamento de expectativas entre médico e paciente, individualizando cada caso.

  • REGISTRO PRÉ OPERATÓRIO E SIMULAÇÃO: registro fotográfico de diversos ângulos e realização de simulação pré-operatória de perfil durante a consulta visando entender o desejo do paciente e de orienta-lo quanto a possibilidade do resultado esperado. OBS: a simulação não é garantia de resultado.

  • LIMITAÇÕES TÉCNICAS: o paciente será orientado quanto a possíveis limitações técnicas que pode ocorrer devido à algumas individualidades como por exemplo: espessura da pele, traços étnicos, deformidades prévias, etc.

  • ENXERTOS: alguns pacientes podem necessitar de enxertos cartilaginosos adicionais, além daqueles retirados do septo nasal. Antes da cirurgia o paciente será orientado quanto a possibilidade de retirada de enxertos de outros locais como orelha ou costela.


TÉCNICA CIRÚRGICA:

"consiste no remodelamento dos ossos e cartilagens que dão forma ao nariz."

  • Técnica cirúrgica aberta: permite visualizar melhor as estruturas e consequentemente a realização de técnicas mais avançadas.

  • Técnica cirúrgica PRESERVADORA E ESTRUTURADA: Ressecção mínima de cartilagens, preservando ao máximo as estruturas naturais do nariz. Estruturação com enxertos que visam a sustentação do nariz, prolongando o resultado pós operatório e evitando complicações.

  • Tecnologia ULTRASSÔNICA: Técnica de recorte ósseo sem fratura traumática ou lesão de tecidos adjacentes, proporcionando precisão técnica, melhor controle de edema e sangramentos.

PÓS OPERATÓRIO:

  • Alta em menos de 8 horas após término do procedimento (na maioria dos casos no mesmo dia).

  • Não utilizado tampões nasais

  • Curativo rígido sob dorso nasal afim de proteger o nariz e reduzir edema.

  • Retornos seriados para retirada de pontos, splint nasal, curativo e seguimento pós operatório

  • Afastamento do trabalho depende da função. Trabalho em Home-office já pode ter retorno em poucos dias, por exemplo, enquanto atividades que exigem demanda física podem exigir afastamento por mais de uma semana.

  • Afastamento de atividades físicas por 3-4 semanas.


Diante do exposto espero ter contribuído para você entender um pouco mais sobre essa cirurgia fascinante, uma das mais bonitas e delicada de todas!


E lembre-se!!

O mais importante é você saber o que realmente quer e buscar um profissional que esteja disposto a ajudar você a realizar seu sonho.






402 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo